Políticas de privacidade

INFORMAÇÃO MAIS EXTENSA SOBRE PROTEÇÃO DE DADOS.
ATIVIDADE DE TRATAMENTO DE CLIENTES E FORNECEDORES

¿Quién es el responsable del tratamiento de sus datos personales?

Denominação Social: ODILO TID S.L.

CIF: B30856439

Endereço Postal: AVDA. DE LUXEMBURGO SN. Praça Centro Empresarial Cartagena, 6º andar. 30353

Cartagena, Murcia, Espanha

Telefone: 968522352

Email de contato: empresa@odilotid.es

Contato com o nosso delegado de proteção de dados ou DPO: dpo@odilotid.es

 

Com que finalidade trataremos os seus dados pessoais?

Os seus dados pessoais serão utilizados com a finalidade de dar cumprimento às relações comerciais B2B que o responsável estabelece com os seus clientes e fornecedores.

Estas relações entre pessoas jurídicas não se encontram submetidas ao RGPD por não se tratar de dados pessoais segundo o mesmo. Porém, torna-se necessário recompilar as informações das pessoas físicas de contato que prestam os seus serviços aos clientes e fornecedores para o bom desenvolvimento da gestão relacionada com o contrato subscrito, como são: a comunicação para a manutenção das soluciones contratadas, a gestão económico-administrativa, fiscal e de faturação, atenção e informação ao cliente, etc.

 

Por quanto tempo conservaremos os seus dados pessoais?

Os seus dados pessoais serão conservados enquanto dura a relação contratual estabelecida ou até que o nosso cliente ou fornecedor modifique a pessoa de contato para estabelecer este tipo de relações. Uma vez finalizada a relação contratual serão conservados devidamente bloqueados com base nas responsabilidades nascidas do tratamento dos seus dados pessoais e da justificação da relação contratual estabelecida com clientes e fornecedores, utilizando o critério de conservação que deriva da relação económico-fiscal que apresenta prazos legais de conservação entre os 4 e os 10 anos como máximo.

Qual é a legitimação para o tratamento dos seus dados pessoais?

A base legal para o tratamento dos seus dados pessoais é:

Por Interesse legítimo do responsável, ou de um terceiro ao abrigo do art. 6.1 f) do RGPD para dar cumprimento às necessárias obrigações de comunicação associadas ao contrato subscrito.

 

Existe obrigação de fornecer esses dados pessoais?

Requisito necessário para subscrever um contrato.

 

Quais são as consequências de o não fazer?

Impossibilidade de prestar o serviço solicitado.

 

Cederemos os seus dados pessoais?

Os dados pessoais de contato das pessoas físicas que prestam serviços em pessoas jurídicas com as quais estabelecemos relações contratuais não serão cedidos salvo obrigação legal.

 

Que direitos tem quando nos fornece os seus dados pessoais?

Direito de Acesso: Você tem o direito de saber se os seus dados estão a ser tratados e receber essa informação por escrito através do meio solicitado.

 

Direito de Retificaçao: Você tem direito a solicitar a retificação dos seus dados se estes não estão exatos ou se encontrem incompletos.

 

Você tem direito a solicitar a supressão dos seus dados. Porém, deverá ter em conta que o direito de supressão é limitado quando existe obrigação legal de retenção ou bloqueio dos seus dados.

 

Em determinadas circunstâncias, os interessados poderão solicitar a limitação do tratamento dos seus dados. Neste caso, unicamente os conservaremos para o exercício ou defesa de reclamações, proteção de terceiros ou por razões de interesse público importante.

 

Em determinadas circunstâncias e por motivos relacionados com a sua situação particular, você poderá opor-se ao tratamento dos seus dados. Neste caso, deixaremos de tratar os dados, salvo por motivos legítimos imperiosos, ou no exercício ou defesa de possíveis reclamações.

 

Quando o tratamento dos seus dados se baseie no consentimento ou seja necessário para a execução de um contrato ou pré-contrato e se efetue por meios automatizados, você terá direito à portabilidade dos seus dados, ou seja, a que se lhe entreguem em formato estruturado, de uso comum e leitura automática, inclusive o reenvio a um novo responsável.

 

Qualquer interessado poderá apresentar uma reclamação à Autoridade de Controle competente em matéria de Proteção de Dados, especialmente quando não está satisfeito com o exercício dos seus direitos. A forma de a contatar será dirigir-se por escrito à Agencia Española de Protección de Datos Personales com C/Jorge Juan n.º 6, 28001 Madrid ou através da sua sede electrónica em www.agpd.es.

 

Os modelos para pedir o exercício dos seus direitos encontram-se na secção de direitos do nosso sitio da web, também poderá solicitar-nos por escrito ao endereço do responsável, e inclusivamente poderá obtê-los na sede electrónica da Autoridade de controle em www.agpd.es e deverão ser remitidos ao endereço postal ou electrónico do responsável.

Top